O portal de notícias de
salgueiro
PESQUISAR NO SITE
 

Colunas Especiais

Especialistas nas Notícias
A quem interessa politicamente a Operação Torrentes da Policia Federal em Pernambuco?
13/11/2017 16:36

Os brasileiros assistiram na semana passada com desconfiança a troca de comando da Policia Federal, o Delegado Fernando Querióz Segóvia Oliveira, assume o comando da Instituição num momento bastante delicado da vida política do País. Primeiro porque a Policia Federal vem realizando um trabalho que agrada a maioria dos brasileiros, levando ainda em consideração que a maioria dos envolvidos em escândalos de corrupção é integrante do partido que ora comanda a Nação.

Segundo o que foi noticiada na imprensa a troca do comando da Policia Federal é descaradamente uma tentativa de enfraquecer a Operação Lava Jato e “estancar a sangria” nas investigações da classe política brasileira. O Delegado Fernando Segóvia chega respaldado por indicações de políticos como o investigado ministro Eliseu Padilha e o ex-presidente José Sarney, que aparece para ajudar os velhos companheiros do PMDB. O grupo ainda é integrado pelo Presidente Michel Temer, o ministro Moreira Franco, os senadores, Romero Jucá, Renan Calheiro e Fernando Bezerra Coelho.

Na mesma semana que o governo federal anunciava a toca de comando da PF, foi dado inicio a Operação Torrentes que investiga possíveis irregularidades em projetos de reestruturação de cidades da Mata Sul atingidas por enchentes em 2010 e em 2017. Casa Militar de Pernambuco, localizada junto ao Palácio do Campo das Princesas, e a Vice-governadoria, ambas na região central do Recife, foram alvos da Operação Torrentes, desencadeada pela Policia Federal na quinta-feira (9). Integrantes e ex-integrantes da cúpula da Polícia Militar estão entre os alvos da operação.

Lembrando que o governador de Pernambuco, Paulo Câmara tem se posicionado contra as reformas do governo federal e a favor nas duas votações pela investigação do Presidente Temer. Outra situação que incomoda o governo federal e seus principais aliados em Pernambuco, o senador Fernando Bezerra Coelho e o ministro de minas e energia, Fernando Filho, é proposta de privatização da Chesf, que vem recebendo criticas de vários setores e em todos os municípios do Estado. O principal articulador das audiências públicas contra a privatização da Chesf e consequentemente, contra FBC Pai e FBC Filho, é o principal adversário dos Coelhos no Sertão de Pernambuco o deputado estadual, Lucas Ramos (PSB).

Seja o primeiro(a) a comentar!

Deixe seu Recado

Nome
E-mail
Mensagem
Enviar
Rua Martinho Luiz Vieira, Nº 236, Bomba - Centro - Salgueiro - PE - Tel: +55 (87) 3871-2007
sg10Salgueiro@hotmail.com